Três são presos ao tentar sacar R$ 49 milhões com cheque clonado em agência bancária de Fortaleza

Dois homens e uma mulher foram presos quando tentaram compensar um cheque clonado de R$ 49,3 milhões em uma agência bancária no Bairro de Fátima, em Fortaleza, nesta terça-feira (22). O cheque tinha a assinatura falsa do gerente executivo de um banco de São Paulo. Os três foram presos em flagrante na agência bancária.

De acordo com o delegado Carlos Teófilo, da Delegacia de Defraudações e Falsificações, pai e filha foram até o banco tentar sacar o valor de R$ 1 milhão com um contrato falso.

O terceiro suspeito chegou à agência em seguida com o cheque de R$ 49,3 milhões em mãos. Eles disseram que o dinheiro havia sido adquirido em trabalhos feitos para várias empresas.

“Esse cheque é falso. O papel não é verdadeiro, ele não foi emitido pelo banco. É um cheque materialmente falso”, afirma o delegado.

Os suspeitos foram autuados pelos crimes de falsidade ideológica, falsificação de documento, uso de documento falso e tentativa de estelionato.

Distribuição do dinheiro

Trio foi preso após tentar compensar cheque clonado de R$ 49,3 milhões em agência bancária de Fortaleza. — Foto: Wânyffer Monteiro/TV Verdes Mares

Trio foi preso após tentar compensar cheque clonado de R$ 49,3 milhões em agência bancária de Fortaleza. — Foto: Wânyffer Monteiro/TV Verdes Mares

Conforme o delegado que investiga o caso, os três procuraram a agência bancária solicitando a transferência de R$ 49,3 milhões, que seriam distribuídos em várias contas bancárias. O gerente do banco achou inicialmente que distribuição do dinheiro seria feita através de transferência. Os suspeitos, no entanto, apresentaram um cheque, o que gerou a suspeita de fraude por parte do gerente.

“Ao receber esse cheque, ele [o gerente] já imaginou que se tratava de uma fraude e entrou em contato com a delegacia de defraudações”, conta o delegado.

O gerente também informou ao policial que o cheque estava em nome de uma empresa cuja proprietária é de Goiás. O delegado investiga se a mulher foi vítima dos suspeitos

“Eles imaginaram que, com o banco aqui em Fortaleza vendo um cheque com a assinatura do gerente executivo do banco de São Paulo, conseguiriam sem nenhum problema obter essa quantia”, relata o delegado.

Os suspeitos teriam feito o contrato falso como forma de mostrar que havia clareza na negociação que eles tinham feito, segundo o delegado.

Fraude em empresa de Goiás

A polícia acredita que os suspeitos conseguiram dados da empresária goiana proprietária dos R$ 49 milhões, e os três estavam usando o nome da empresa de forma criminosa.

“O objetivo deles era de colocar, repassar, transferir esses valores para diversas contas. A história era que um milhão ia para conta da empresa da dupla, e o restante queriam que fosse transferido para diversas outras contas”, diz Teófilo.

A polícia não conseguiu identificar outros suspeitos de envolvimento no crime pelo fato de o trio não ter repassado dados de outras contas bancárias para transferências.

Por G1 CE

Guedes defende ‘tributos alternativos’ e diz que o país ‘tem que desonerar a folha’

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quarta-feira (23) que o país tem que desonerar a folha de pagamento das empresas e, para isso, precisa buscar “tributos alternativos”.

Guedes e o líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), concederam entrevista após uma reunião das alas política e econômica do governo com o presidente Jair Bolsonaro para discutir a reforma tributária e um programa de transferência de renda.

“Descobrimos 38 milhões de brasileiros, que eram os invisíveis. Temos que ajudar essa turma a ser reincorporada ao mercado de trabalho. Então, temos que desonerar a folha. Por isso que a gente precisa de tributos alternativos para desonerar a folha e ajudar a criar empregos”, disse o ministro.

Barros afirmou que o governo mantém a defesa do teto de gastos e da responsabilidade fiscal. Segundo ele, os “tributos alternativos” não gerarão um aumento da carga tributária, mas sim um rearranjo no sistema de impostos.

“Reafirmamos nosso compromisso com o teto de gastos e o rigor fiscal. Nenhuma proposta que será encaminhada vai tratar dessa questão. Estamos buscando dentro do orçamento recursos para poder avançar nos programas e, se houver a necessidade, faremos uma substituição de tributação”, disse Barros.

“Esses pressupostos precisam ficar claros: não tem aumento de carga tributária, tem compromisso com teto de gastos e com rigor fiscal”, completou o líder do governo.

Centenas se reúnem na Suprema Corte para se despedir de Ruth Bader Ginsburg

O caixão da falecida juíza Ruth Bader Ginsburg chegou na manhã desta quarta-feira (23.09) na Suprema Corte dos Estados Unidos, em Washington, onde os americanos podem prestar suas homenagens a uma mulher que passou sua carreira lutando por igualdade e justiça.

Logo pela manhã, mais de 100 ex-funcionários se alinharam nos degraus do prédio e emocionaram as centenas de apoiadores que estavam presentes. Um carro funerário, envolto em uma bandeira americana, chegou em frente ao tribunal pouco antes das 9h30. Os policiais da Suprema Corte carregaram o caixão pelos degraus de mármore do tribunal superior para o Grande Salão da Suprema Corte, onde a família de Ginsburg e amigos íntimos se reuniram para uma cerimônia privada no Grande Salão devido às restrições da Covid-19. Os demais ministros permaneceram dentro do Salão Principal, onde o caixão foi inicialmente colocado.

Após a cerimônia privada, o público poderá prestar suas homenagens no pórtico no topo da escadaria do Supremo Tribunal. Seu caixão será colocado no catafalco de Lincoln, construído para o caixão do presidente Abraham Lincoln em 1865. Um retrato de 2016 da justiça por Constance P. Beaty estará em exibição.

“O público está convidado a prestar homenagens em frente ao edifício, das 11h às 22h na quarta-feira, 23 de setembro, e das 9h às 22h, na quinta-feira, 24 de setembro”, disse a Suprema Corte em um comunicado.

WASHINGTON, DC - SEPTEMBER 23:  Former law clerks of Associate Justice Ruth Bader Ginsburg watch as her casket is carried up the steps of the U.S. Supreme Court where she will lie in repose, on September 23, 2020 in Washington, DC. Ginsburg who was appoin (Foto: Getty Images)
Centenas de apoiadores se reúnem na Suprema Corte para se despedir de Ruth Bader Ginsburg (Foto: Getty Images)

Os serviços extraordinários planejados para Ginsburg reconhecem a importância da segunda mulher a servir no tribunal superior e que, aos 80 anos, se tornou uma espécie de ícone cultural e que morreu na última sexta-feira (18.09), após complicações de um câncer no pâncreas.

Intelectual, franzina e tímida, ela não era exatamente o típico ícone pop americano, mas a verdade é que a juíza da Suprema Corte dos EUA (cargo que ocupou por 26 anos) tornou-se uma sensação cultural e símbolo de ideais liberais. Com uma trajetória de luta e resistência, ela será a primeira mulher na história a ter um funeral com honras de Estado no Capitólio, na sexta-feira. Entre quarta-feira e quinta-feira, o corpo será exposto nas escadarias da Suprema Corte, onde receberá homenagens do povo. A previsão é de que a juíza seja sepultada, no Cemitério Nacional de Arlington.

.

WASHINGTON, DC - SEPTEMBER 23: A mourner wears a mask honoring Associate Justice Ruth Bader Ginsburg at the U.S. Supreme Court where she is lying in repose, on September 23, 2020 in Washington, DC. Ginsburg who was appointed by former U.S. President Bill  (Foto: Getty Images)
Centenas de apoiadores se reúnem na Suprema Corte para se despedir de Ruth Bader Ginsburg (Foto: Getty Images)

WASHINGTON, DC - SEPTEMBER 23:  Pallbearers carry the flag-draped casket bearing the remains of Justice Ruth Bader Ginsburg at the U.S. Supreme Court where she will lie in repose, on September 23, 2020 in Washington, DC. Ginsburg, appointed to the high co (Foto: Getty Images)
Multidões se reúnem na Suprema Corte para se despedir de Ruth Bader Ginsburg na Suprema Corte dos Estados Unidos (Foto: Getty Images)

UNITED STATES - SEPTEMBER 23: The flag-draped casket of Justice Ruth Bader Ginsburg arrives at the U.S. Supreme Court in Washington on Wednesday, Sept. 23, 2020. (Photo by Caroline Brehman/CQ-Roll Call, Inc via Getty Images) (Foto: CQ-Roll Call, Inc via Getty Imag)
Multidões se reúnem na Suprema Corte para se despedir de Ruth Bader Ginsburg na Suprema Corte dos Estados Unidos. (Photo by Caroline Brehman/CQ-Roll Call, Inc via Getty Images) (Foto: CQ-Roll Call, Inc via Getty Imag)

Morre Pierre Troisgros, aos 92 anos, pai de Claude e da nouvelle cuisine

Morreu de infarte, aos  92 anos, o chef francês Pierre Troisgros, um dos mais importantes chefs franceses do mundo, pai de Claude Troisgros, como informou, em seu blog, o colega Ancelmo Gois. Pierre estava em sua casa, em Coceau, nas proximidades de Roanne, onde, desde 1930, funciona  a emblemática  Maison Troisgros, restaurante pousada instalada vizinha à Gare de Roanne, que virou referência de boa mesa no mundo. Há mais de quatro décadas, a Maison Troisgros exibe as três estrelas Michelin (desde 1968) na fachada cor de rosa, referência aos salmões das águas do rio Loire e Saône, e verde, uma alusão aos temperinhos da região.
Pierre TroisgrosNos anos 1970, Pierre Troisgros, juntamente com Paul Bocuse, Roger Vergé e Alain Chapel, criaram a Nouvelle Cuisine, um movimento que revolucionou os preceitas da gastronomia francesa e internacional. Pregavam a feitura de pratos mais leves, com menos molhos e amanteigados e  servidos em porções menores, com apuro na apresentação de uma obra de arte. Priorizavam os produtos frescos, da estação, e composições que trouxessem nutrientes.  Cinquenta anos depois, são preceitos que estão em vigor até hoje.

“Foi graças ao Pierre Troisgros que resolvi ser cozinheiro. Via seus programas na televisão e ficava maravilhado. Ele me motivou a seguir em frente.  Anos depois, tive a oportunidade de estar com ele no Sofitel, hotel que ele mantinha laços estreitos. afinal, foi ali onde o filho Claude começou a trabalhar no Rio”, diz o chef Roland Villard. “Ele foi o grande nome da gastronomia francesa. É o o ultimo grande nome de uma geração de chefs francês que fez historia a nos deixar. Mas fica o legado.”

A familia Troisgros gira em torno da boa mesa desde 1930, quando Jean Baptiste e Marie, os pais de Pierre (avós de Claude), abriram a Maison Troisgros vizinho a Gare de Roanne, que virou referência gastronômica desde sempre, um dos poucos restaurantes no mundo há manter há mais de quatro décadas a cotação máxima Michelin. Pela cozinha dali, uma legião de chefs compartilhou das panelas de mestre.

Pierre Troisgros
Em 2012, o chef carioca Pedro de Artagão passou 4 dias na casa da família Troisgros, onde pode desfrutar do chucrute preparado pelo próprio Pierre.
“Impressionante a vitalidade dele, apesar da idade avançada.  Contava historias, compartilhava receitas, isso dirigindo  o carro e me mostrando a região. Foram momentos históricos na minha vida, estar ali ao lado desse que é um dos maiores nomes da gastronomia mundial”.
São incontáveis as vezes em que Pierre esteve no Rio. Numa dessas visitas, quando ficava ou hospedado no Sofitel ou na casa do Claude, conversei com Pierre sobre sua trajetória. Ele me contou que foi o primeiro a combinar vinho tinto com peixe e a tirar as travessas das mesas e acabar com o serviço à francesa. A Maison Troisgros lançou a prática de servir os pratos já montados na cozinha, “empratados”. Perguntei a razão e ele respondeu:
“O chef deve cuidar de tudo, do começo ao fim. Deve caber a ele também a montagem do prato”.
“Papai nos educou com amor, sabedoria e generosidade. Ele foi um pai exemplar. Chef Pierre marcou gerações de cozinheiros com sua mente livre, alegre e criativa. Mr. Troisgros foi um homem do bem, viveu a vida plenamente. Orgulho de ser seu filho”, disse Claude.
Maison Troisgros abriu filial no Japão e na Russia (“os russos costumam comer o dia todo, dai, trabalhamos de meio-dia à meia-noite sem parar”).
Nos últimos anos, Michel, o filho do meio de Pierre, é quem cuida do até hoje disputadíssimo restaurante de Roanne.
“Pierre foi o mestre dos mestres. Tudo que fazemos hoje na gastronomia, devemos a ele. O céu ganhou uma estrela maior”, diz o chef Ricardo Lapeyre.
 Luciana Fróes/ O Globo

Vacina chinesa contra o coronavírus não deu efeito colateral em 94,7% dos voluntários, diz estudo

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que 94,7% dos mais de 50 mil voluntários que participam de teste na China não apresentaram efeito adverso à Coronavac, vacina contra o coronavírus desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceira com o Instituto Butantan. O dado faz parte de um estudo divulgado em entrevista coletiva nesta quarta-feira (23).

“Esses resultados comprovam que a Coronavac tem um excelente perfil de segurança e comprova também a manifestação feita pela Organização Mundial da Saúde (OMS), indicando a Coronavac como uma das 8 mais promissoras vacinas em desenvolvimento no seu estágio final em todo o mundo”, disse Doria.

A pesquisa testou a segurança da vacina em 50.027 voluntários na China. De acordo com os dados divulgados pela gestão estadual, só foram percebidos efeitos adversos de grau baixo em 5,36% dos participantes. As reações mais frequentes foram dores leves no local da aplicação (3,08%), fadiga (1,53%) e febre moderada (0,21%). Os números foram divulgados em coletiva de imprensa.

“Os resultados dos estudos clínicos realizados na China mostraram baixo índice de efeitos adversos e de baixa gravidade. Efeitos adversos de baixa gravidade são comuns em vacinas amplamente utilizadas. A vacina da gripe, por exemplo, produzida pelo Instituto Butantan, apresenta efeitos pouco nocivos como dor no local da aplicação, e não mais do que 10% dos que são vacinados apresentam reação dessa natureza”, disse o governador.

O mistério dos terremotos sem explicação

O medo toma conta da apresentadora no momento em que o estúdio de televisão começa a tremer. Ela para e fica em silêncio. O tremor aumenta. Outros apresentadores sentados ao redor dela permanecem imóveis, exceto pela troca de olhares de preocupação.

O tremor fica mais forte. É possível ouvir os equipamentos de iluminação em cima deles chacoalhar. Um deles olha para o alto. A principal apresentadora suspira. É hora de partir.

Eles tiram os microfones de lapela e deixam às pressas o estúdio do programa de televisão, que era transmitido ao vivo no momento em que um terremoto de magnitude 5,5 sacudia a cidade de Pohang, na Coreia do Sul.

Foi um abalo sísmico poderoso. Outras imagens mostram pessoas fugindo de prédios enquanto as paredes desabam atrás delas.

A cidade de meio milhão de habitantes ficou em choque. Mas esse terremoto não foi um fenômeno natural – foi desencadeado pelo homem.

Esta foi a conclusão de um relatório publicado por uma equipe de especialistas que tentou descobrir o que causou o tremor em 15 de novembro de 2017 em Pohang, que deixou 135 pessoas feridas e 1,7 mil temporariamente desalojadas.

Campeão mundial, Cicinho critica São Paulo após derrota: “Merece respeito e suor na camisa”

Campeão da Libertadores e Mundial pelo São Paulo em 2005, o ex-lateral Cicinho criticou a equipe atual em um post em uma rede social um dia após a derrota para a LDU na Libertadores.

– Essa galera chora ao ver tamanha decepção. SPFC merece respeito e suor na CAMISA – escreveu ele na legenda de uma foto em que aparece ao lado de outros jogadores daquela equipe histórica.

O post de Cicinho recebeu comentários de outros dois ex-jogadores do São Paulo, Amoroso e Dagoberto, que demonstraram apoio com emojis.

Walter testa positivo para Covid-19 e desfalca o Athletico contra o Colo-Colo

O atacante Walter foi diagnosticado com Covid-19 e por isso não foi relacionado pelo Athletico para a partida contra o Colo-Colo, nesta quarta-feira, pela Libertadores. Ele está assintomático e em isolamento. O Athletico não confirma a informação. Veja aqui a lista dos relacionados.

Walter fez três jogos desde o seu retorno ao Athletico e foi decisivo na última terça-feira, quando entrou no fim e marcou o gol da vitória sobre o Jorge Wilstermann, na Bolívia, por 3 a 2. No Brasileirão, ele entrou em duas oportunidades – contra o Bragantino e contra o Fluminense.

Walter em treino pelo Athletico: fora com Covid-19 — Foto: Mauricio Mano/Athletico

Walter em treino pelo Athletico: fora com Covid-19 — Foto: Mauricio Mano/Athletico

Por causa do isolamento, a tendência é que o atacante desfalque o Furacão também nos próximos compromissos, contra o Bahia, no sábado, pelo Brasileirão, e contra o Jorge Wilstermann, na próxima terça-feira pela Libertadores.

No jogo desta quarta-feira, o Athletico também não terá Nikão, que se recupera de um entorse no tornozelo. O recém-contratado Jorginho é novidade entre os relacionados, assim como Cittadini, que está recuperado de uma entorse no tornozelo.

Um provável time tem Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Aguilar (Pedro Henrique) e Márcio Azevedo; Wellington, Erick e Christian; Cittadini, Fabinho e Geuvânio.

Athletico e Colo-Colo se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h15, na Arena da Baixada, pela quarta rodada da Libertadores. Os dois times têm seis pontos e dividem a liderança do grupo C da Libertadores.

Por Redação do ge — Curitiba

Flamengo desembarca no Rio e é recebido por equipe médica após casos de Covid

O Flamengo desembarcou no Rio de Janeiro na manhã desta quarta-feira. Após uma semana de estadia no Equador para compromissos da Libertadores e vitória sobre o Barcelona de Guayaquil, a delegação chegou ao Aeroporto Internacional Tom Jobim por volta das 5h45 (de Brasília) e foi recebida por uma equipe médica após surto de Covid.

Os jogadores infectados, que ficaram fora do jogo desta terça, chegaram num voo à parte durante a madrugada. Internamente, o clube trabalha com alerta ligado para a possibilidade de novos casos da doença.

A equipe viveu dias de tensão no Equador. Após derrota pesada para o Del Valle, um pressionado Domènec Torrent viu Gabigol ser cortado da partida contra o Barcelona por lesão. A situação foi ainda pior pelo alto número de casos de coronavírus, que deixou incerta a realização da partida até momentos antes do horário oficial determinado pela Conmebol.

Com o resultado em Guayaquil, o Flamengo foi a 9 pontos e ocupa a segunda posição do Grupo A da competição continental. Num primeiro momento, a equipe vira a chave para o Campeonato Brasileiro: neste domingo, às 16h, tem compromisso marcado contra o Palmeiras, no Allianz Parque, mas ainda aguarda resposta da CBF após pedido de adiamento.

Jovem atravessa na faixa e termina andando sob capô de carro parado: ‘Questionei e o motorista disse e daí?’

Há 3 anos, o percurso é sempre o mesmo. Da porta do apartamento para o shopping, localizado na região central de Campo Grande, onde a streamer Bianca Trevizan, de 29 anos, almoça diariamente. No caminho, ela passa por uma faixa de pedestres, onde já presenciou acidentes de trânsito, imprudência e, recentemente, a “cara de pau” de um motorista, o que a fez gravar um vídeo e subir em cima do capô do carro.

A intenção, segundo ela, era só mostrar para os amigos, porém, ao postar nas redes sociais, as imagens viralizaram. “Foi a forma que eu achei para fazer um protesto. Tenho consciência total de que não danifiquei o carro dele, não risquei, não fiz nada, tanto que não pisei no meio do carro. Mas, muito antes disso, passei por ele e falei: moço, você está na faixa. Ele então respondeu: e daí? Foi aí que eu desviei dele e fui almoçar no shopping”, afirmou.

Bianca, que estava acompanhada de uma amiga, disse que demorou 40 minutos para retornar, quando se deparou com o carro estacionado, ainda na faixa de pedestres. “O motorista não estava mais lá. Eu fiquei indignada, juntei o e daí dele com o carro aquele tempo todo parado literalmente ali e falei para minha amiga: Vou atravessar na faixa de pedestres, grava aí. Ela não entendeu direito e eu só repeti: grava aí. Foi aí que eu atravessei e continuei na faixa, passando por cima do carro dele”, comentou.