Campo Grande, 24 de setembro de 2021

CAMPO GRANDE DEVE SER A PRIMEIRA CIDADE DO PAÍS A ADERIR INICIATIVA GLOBAL PARA A PRESERVAÇÃO DA QUALIDADE DO AR

O prefeito Marquinhos Trad recebeu nesta terça-feira (29)  representantes da Organização Panamericana de Saúde (OPAS), braço da Organização Panamericana de Saúde (OMS),  para apresentação campanha Respire Vida, iniciativa global que, além de sensibilizar o público e gestores em relação à poluição do ar como um grande risco para a saúde e para o meio ambiente,  visa definir medidas praticas para melhoria da qualidade do ar, que impactam diretamente na saúde coletiva. Campo Grande deve ser a primeira cidade do País a aderir ao projeto.

O prefeito reforçou que o Município está disposto a adotar medidas que venham a contribuir para a manutenção dos níveis adequados de qualidade do ar, considerando que ar poluído é dos principais riscos ambientais para a saúde e é um grave problema que precisa ser discutido em várias frentes.

“Certamente é uma preocupação que nós temos que ter e através de parcerias como esta nós iremos buscar soluções para garantir a qualidade de vida da população campo-grandense”, disse.Relatório publicado pela OMS em 2018 revelou que nove em cada dez pessoas respiram ar poluído.

Katia de Pinho Campos, coordenadora da Unidade de Determinantes da Saúde, Doenças Crônicas Não Transmissíveis e Saúde Mental da OPAS/OMS no Brasil.

Katia de Pinho Campos, coordenadora da Unidade de Determinantes da Saúde, Doenças Crônicas Não Transmissíveis e Saúde Mental da OPAS/OMS no Brasil.

A coordenadora da Unidade de Determinantes da Saúde, Doenças Crônicas Não Transmissíveis e Saúde Mental da OPAS/OMS no Brasil, Katia de Pinho Campos, destaca a preocupação no desenvolvimento de estratégias conjuntas que possam contribuir para o desenvolvimento de ações inovadoras, considerando o potencial existente.

“É nítido que há uma preocupação em preservar o meio ambiente e integrar a comunidade neste contexto. Desta forma, Campo Grande apresenta um perfil extremamente interessante e que atende certamente aos critérios a serem pactuados. O que deve ser destacado também é a preocupação dos gestores e boa vontade dos gestores em buscar estas soluções”, disse.

Campo Grande é considerada uma cidades mais arborizadas do país, reflexo da implementação de políticas públicas ambientais e medidas educacionais aplicadas em diversas áreas, além de desenvolvimento de ações estratégicas que se somam às intervenções urbanas e soluções de mobilidade que integram a sociedade ao meio ambiente, a exemplo dos mais de 130 quilômetros de ciclovias e ciclofaixas implementados no município.

Atualmente, o município desenvolve ações de fiscalização  de potenciais poluentes através da coordenadoria de Vigilância Ambiental, ligada a Secretaria Municipal de Saúde (SESAU), e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMADUR) deve começar ainda este ano  a qualidade do ar medindo a concentração de dióxido de carbono emitidos por veículos.

Safer

Durante o encontro, foi apresentada também pelas representantes da OPAS a iniciativa “Safer” que disponibiliza um pacote técnico com cinco estratégias de alto impacto para reduzir o uso nocivo do álcool e suas consequências sociais, econômicas e de saúde.

A iniciativa, que foi lançada mundialmente pela OMS em setembro de 2018, tem por objetivo apoiar os governos em nível nacional e sub-nacional a adotarem medidas práticas para acelerar o progresso na saúde, combater as doenças crônicas não transmissíveis, abordar o uso prejudicial do álcool e alcançar metas de desenvolvimento.

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

A ação atende a um compromisso da Prefeitura de Campo Grande com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, da Organização das Nações Unidas (ONU). O objetivo 13 tem como meta “tomar medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos”.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + oito =