Campo Grande, 25 de setembro de 2021

Projeto de privatização da Eletrobras prevê União com menos de 50% das ações e sem poder de veto

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, afirmou nesta terça-feira (5) que o projeto de lei que permitirá a privatização da Eletrobras prevê que a União fique com menos de 50% das ações da empresa.

O projeto também não prevê ações especiais com poder de veto, as chamadas “golden share”.

Segundo o ministro, a proposta será assinada nesta terça-feira pelo presidente Jair Bolsonaro, durante a cerimônia em comemoração aos 300 dias de governo. Em seguida, será encaminhada ao Congresso Nacional.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − três =