Campo Grande, 21 de setembro de 2021

Viralizou: Gol do Gabigol em Londres, provocação após expulsão e choro de Jajá

Passou mais um fim de semana de Brasileirão e o conselho é o seguinte: aproveitem, está acabando. O Flamengo está tão próximo de definir o título que pode ser campeão sem nem entrar em campo no próximo fim de semana. Até mesmo os palmeirenses estão jogando a toalha. Rubro-negros venceram o Grêmio neste domingo, colocaram a mão na taça e foram personagens de momentos que bombaram nas rede sociais.

Um dos nomes que mais geram reações emocionadas entre torcedores, Gabigol voltou a brilhar com o gol da vitória, mas também teve seu momento de vilão. Por reclamação, acabou expulso na segunda etapa e aproveitou para provocar a torcida gremista. Contando os cinco dedos da mão, relembrou a goleada na semifinal da Libertadores enquanto deixava o gramado sob vaias.

O 22º gol do artilheiro do Brasileirão foi de pênalti, ainda no primeiro tempo. E a bola na rede teve ressonância do outro lado do Atlântico, em Londres, na Inglaterra. É isso mesmo. Um espectador do duelo entre o grego Stefanos Tsitsipas e o austríaco Dominic Thiem, pela decisão do ATP Finals, quebrou o protocolo e rompeu o silêncio sepulcral tradicional das partidas de tênis para gritar que “tem gol do Gabigol”

Realmente vivemos num mundo sem fronteiras, não é verdade? Mas para o Mister Jorge Jesus, tem gente aqui no Brasil que precisa aprender um pouco sobre globalização. Em desabafo pelas críticas que vem recebendo de treinadores daqui, Jesus relembrou técnico brasileiros que já trabalharam em Portugal e disse que não sabe mais do que ninguém e muito menos veio roubar o lugar dos outros. Nas redes, a postura foi elogiada.

Jorge Sampaoli também chamou atenção na entrevista coletiva pós-jogo. Após o clássico entre Santos e São Paulo que terminou empatado em 1 a 1, Sampaoli foi perguntado sobre a presença de Jair Bolsonaro na Vila Belmiro. Quem achou que o argentino, com conhecida posição política contrária à do Presidente, iria polemizar, se enganou. Ele preferiu defender a democracia e falou até sobre a crise na Bolívia. Alguns internautas mais empolgados chegaram a considerar a candidatura do argentino para a presidência do Brasil.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + sete =