Campo Grande, 26 de setembro de 2021

Famosos lamentam a morte do cineasta Fábio Barreto

A morte, nesta quarta-feira (20), do cineasta, ator, produtor e roteirista brasileiro Fábio Barreto, depois de nove anos em coma, logo se tornou um dos assuntos mais comentados na web. Muitos famosos lamentaram com posts dedicados a Fábio.

Fábio estava afastado dos holofotes depois de um grave acidente de carro sofrido em dezembro de 2009. Um dos integrantes da famosa família Barreto, que é dedicada ao cinema, dirigiu obras como Lula, o Filho do Brasil (2010), A Paixão de Jacobina (2002), Bela Donna (2007) e  O Quatrilho (1995) pelo qual foi indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Fábio é filho do cineasta Luiz Carlos Barreto e da produtora Lucy Barreto, e irmão dos também cineastas Bruno Barreto e Paula Barreto. Casado com a atriz Débora Kalume, ele deixa quatro filhos:Júlia, Mariana, Lucas João.

Walcyr Carrasco, autor
Quem nos deixou hoje, aos 62 anos, foi o cineasta brasileiro Fábio Barreto. Ele deu início à retomada do cinema nacional com “O Quatrilho”, além de ter dirigido outras grandes produções. Fica aqui meu abraço forte e sentimentos à família. #ripfabiobarreto #cinemanacional

Juliana Baroni, atriz
Fábio Barreto descansou hoje após 10 anos em coma . Ele era uma pessoa muito fácil de se conviver . Boa gente, bom diretor, doce e o set era de uma leveza rara e tudo acontecia. Quero deixar o meu amor a ele e deixar meu amor aos que ficam @deborahkalume #joao #juliabarreto @pbarretinha #lucybarreto e #lcbarreto Vocês foram guerreiros incansável durante todo esse tempo .

Dori Caymmi, maestro
Acabo de receber a notícia da morte do amigo Fábio Barreto, com quem tive o prazer de escrever a trilha sonora do seu filme Bela Donna. Meus sinceros sentimentos a todos o familiares em especial a Lucy e Luís Carlos Barreto. Descanse em paz, amigo.

Gladson Targa, artista visual
E nos deixa o grande Fábio Barreto. O cineasta estava em coma devido a um grave acidente de carro ocorrido em 2009. Nos deixa o grande “O Quatrilho” e “Lula, filho do Brasil”. Força para a família. Descansa em paz, Fábio.

Rogério Galvão, DJ e fotógrafo
Hoje o #Cinema Brasileiro perde um dos maiores diretores. #FabioBarreto aos 62 anos. Com o filme o “Quartilho” fez que o Brasil voltasse ao #Oscar

(Por Léo Gregório)

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × quatro =