Campo Grande, 16 de setembro de 2021

Concessão da MS-306 vai gerar vagas de empregos e progresso para região

Campo Grande (MS) – Três mil empregos devem ser gerados com a concessão da MS-306. Segundo o prefeito de Chapadão do Sul, João Carlos Krug, estudos realizados referentes ao projeto pode contribuir com geração de três mil vagas de empregos diretos e indiretos.

Para Krug, modernização e progresso é certeza com concessão da MS-306

“É com muita alegria que vejo a concretização deste projeto. Esta rodovia é uma das mais importantes de Mato Grosso do Sul e a região tem mesmo que comemorar”, disse krug.

A rodovia MS-306 foi arrematada no último dia 5, pelo valor de outorga de R$ 605,3 milhões. O leilão da malha estadual foi o primeiro do Estado e consolida um dos projetos de concessão que o Escritório de Parceria Estratégica (EPE), do Governo do Estado, vem trabalhando.

O Consórcio Way -306 – liderado pela Bandeirantes Engenharia com as empresas TCL Tecnologia e Construções, Senpar, Torc Terraplanagem e GLP Brasil – garantiu o direito de exploração da MS-306 pelo período de 30 anos. Os recursos serão depositados no Fundersul e devem ser injetados em melhorias de outras estradas da malha rodoviária estadual.

Grande parte do tráfego da rodovia vêm de outros Estados e 70 % transporta produtos das Safras. A rodovia é polo de integração comercial entre Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, São Paulo, Goiás e Minas Gerais e rota de escoamento de produção de açúcar, álcool, algodão, soja e milho.

“ Este é mais um passo para o futuro, são recursos essenciais da outorga que vão ser destinados para outras rodovias, além  dos constantes investimentos ao longo dos 30 anos da concessão”, disse o prefeito de Chapadão que ainda mencionou aumento na arrecadação e mais progresso para a região que também Cassilândia e Costa Rica.

Beatricce Bruno – Subsecretaria de Comunicação de MS – Subcom
Fotos:  Chico Ribeiro

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + catorze =