Campo Grande, 21 de setembro de 2021

Sem Flamengo, clubes preparam carta pelo adiamento da rodada do fim de semana do Brasileirão

A CBF ainda não se manifestou sobre a decisão dos clubes pelo adiamento da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro – prevista para o fim de semana. Mas os dirigentes preparam novo manifesto, enfático e com a definição expressa pelo adiamento da competição. Uma carta será divulgada nesta quarta-feira pelos 19 clubes – com o Atlético-MG, cujo presidente disse que colocaria público nos jogos caso o Flamengo também o faça – para deixar clara a posição.

O texto vai lembrar que todos querem o retorno do público às competições, todos querem o torcedor no estádio, mas concordaram – por maioria em conselhos técnicos anteriores – que retornariam ao mesmo tempo. Pois a liberação depende de aprovação de instâncias governamentais.

Reunião do Conselho Técnico da CBF antes da pandemia: clubes se uniram contra o Flamengo — Foto: Reprodução CBF

Reunião do Conselho Técnico da CBF antes da pandemia: clubes se uniram contra o Flamengo — Foto: Reprodução CBF

Também vão reforçar que jogar sem público é a pior punição que um clube pode ter – em tribunais esportivos. Não é do desejo destes clubes, vai explicitar a carta, atuar sem seus torcedores os incentivando. Mas há uma pandemia que, de certa maneira, colocou de maneira uniforme esta “punição” a todos, pois jogam sem torcedores desde março de 2020.

Os clubes se baseiam também na decisão de Conselho Técnico anterior ao Campeonato Brasileiro – quando a CBF submeteu aos clubes decisões e regras do regulamento que deveriam ser aprovados e, então, seguido por todos. Posteriormente, em reuniões de conselho esta questão de retornar com público com todos ao mesmo tempo foi ratificada pelos clubes.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × um =