Campo Grande, 27 de fevereiro de 2024

EM PARCERIA COM A PREFEITURA, TRT E MPT LANÇAM 1º TORNEIO DE FUTEBOL DOS JOVENS DAS COMUNIDADES INDÍGENAS

O 1º Torneio de Futebol dos Jovens das Comunidades Indígenas foi lançado na tarde desta sexta-feira (5) no Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região. O evento organizado pelo TRT e Ministério Público do Trabalho, contam com a parceria da Prefeitura de Campo Grande.

O torneio será realizado nos dias 19, 20 e 21 de agosto, no Estádio Jacques da Luz, na Moreninha II, com entrada gratuita à população. O espaço está sendo cedido pela Prefeituira, que também está ajudando na organização do evento.

“Esta é uma noite muito especial. Em abril deste ano nós tivemos os Jogos Indígenas aqui em Campo Grande, na nossa cidade, que tem 23 aldeias urbanas. Os jogos indígenas foi um sucesso com mais de 1 mil atletas participando. Parabéns pela iniciativa e contem com a nossa parceria. Nós acreditamos na inclusão e na educação e são ações como esta que transformam a nossa sociedade”, disse a prefeita Adriane Lopes.

O desembargador João Deus Gomes de Souza conta que esta é uma semente que nasce como uma das ações de combate ao trabalho infantil e o incentivo à aprendizagem. “Esse projeto com certeza vai crescer e será tão exitoso como essa semente que nasce nos dia 19, 20 e 21”, afirma.

Procuradora-chefe do Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso do Sul, Cândice Gabriela Arósio lembra que a mão de obra indígena forma a economia do nosso estado desde sempre e ver um evento esportivo dessa magnitude é muito importante. “Como ex-atleta que sou, sei o quanto o esporte é importante, porque no esporte a gente precisa aprender a trabalhar em grupo, a socializar com as pessoas, a lidar com frustrações. No esporte a gente mais perde do que ganha e isso nos faz desenvolver uma resiliência que transforma a nossa vida”, pondera.

O torneio contará com 8 times dos municípios de Campo Grande, Caarapó, Dourados, Amambai, Miranda, Aquidauana/Taunay, Sidrolândia/Dois Irmãos do Buriti.

Ao todo, serão 160 atletas de 16 a 20 anos, que ficarão hospedados em um hotel em Campo Grande. Os vencedores ganharão troféus e medalhas.

A iniciativa faz parte do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem, que tem como objetivo incentivar a permanência na escola por meio do esporte e combater a exploração da mão-de-obra infantil, além de afastar os atletas do consumo de drogas e álcool.

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp