Campo Grande, 27 de fevereiro de 2024

Com apoio do Governo, construção de usina de etanol vai mudar perfil econômico de Paranaíba

O governador Eduardo Riedel se reuniu nesta sexta-feira (03) com o diretor do grupo Pedra Agroindustrial, Luiz Roberto Kaysel. A empresa está construindo uma usina de etanol em Paranaíba, que tem previsão de gerar até 3 mil empregos. Para isto o Estado vai fazer sua parte com incentivo e realização de obras de infraestrutura.

“Nós viemos aqui reiterar nossos objetivos e compromissos de investimentos no Estado e tivemos uma boa conversa com o governador, reafirmando nossas intenções. A construção da usina está em andamento, previsão de começar a funcionar em 2025. Estamos plantando a cana, fazendo a montagem e transferência industrial, mais de 500 funcionários envolvidos”, afirmou Luiz Roberto Kaysel.

O secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação, Jaime Verrruck, destacou que este empreendimento de grande porte vai mudar o perfil econômico da cidade, sendo mais uma região do Estado beneficiada com a vinda de capital privado.

“Hoje a empresa já tem mais de 3 mil hectares plantadas (cana de açúcar) e agora está fazendo a construção da usina, que vai produzir 5 milhões de toneladas. Assim Paranaíba ganha uma série de oportunidades, como na área agrícola, com a expansão da cana. Também muda o perfil da cidade, com a produção de etanol e amido. Em 2025 a usina vai gerar até 3 mil empregos”, destacou o secretário.

Jaime ainda citou que além dos incentivos fiscais que já estão garantidos pelo Estado, o Governo também vai promover obras de infraestrutura, como a implantação de um trevo e um acesso a nova usina. “O governador destacou que vai fazer estas obras por meio do programa Pró-Desenvolve, entre elas este acesso que vai favorecer os funcionários e transporte da produção”.

Para a construção da usina, também está sendo feito a base agrícola, com a produção de cana de açúcar para atender o empreendimento. A previsão é de investimento de R$ 400 milhões da empresa na unidade.

Participaram da reunião o governador Eduardo Riedel e os secretários Jaime Verruck (Semadesc) e Pedro Caravina (Segov).

Leonardo Rocha, Comunicação do Governo de MS
Fotos: Saul Schramm

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp