Campo Grande, 22 de fevereiro de 2024

Governo de MS e blocos independentes realizam carnaval de rua da Capital

O Governo de Mato Grosso do Sul, por meio da Fundação de Cultura, será correalizador do carnaval de rua de Campo Grande, a parceria foi firmada com os blocos independentes de rua da Capital e toda a estrutura de som, luz, palco, banheiros, além do apoio do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar estão garantidos para os dias de folia.

No dia 16, a partir das 16h, na Orla Ferroviária entre a rua Laguna e Avenida Ernesto Geisel o bloco Evoé Baco faz a sua concentração e desfile, o bloco fundado por artistas de teatro, traz o cortejo cênico como momento chave do evento.

No dia 17 o bloco Farofolia abre oficialmente os festejos na Esplanada ferroviária, com uma festa cheia de fantasias, serpentinas e muito glitter a partir das 15h, nesse dia o bloco espera pelo menos 3 mil pessoas curtindo o carnaval de rua da capital. No mesmo dia, a partir das 15h, o Bloco do Reggae, traz todo o som contagiante desse estilo com as aparelhagens em frente à escultura do trem Maria Fumaça, na Avenida Mato Grosso.

Dia 18 e dia 21 será a vez do Cordão Valu, um dos maiores blocos de rua de MS, que promete arrastar uma multidão ao som de samba, marchinhas e muito axé, segundo Silvana Valu, coordenadora do bloco, “a expectativa é de muita festa e alegria, estamos há 2 anos sem ir pra rua e será um momento de muitos abraços, beijos e muita gente comemorando, brilhando na Esplanada, que é a nossa casa”.

Dia 19 e 20, o bloco Capivara Blasé coloca o bando na rua, como eles chamam os foliões, neste ano a coordenação espera cerca de 120 mil pessoas nos dois dias de desfile do bloco, para o fundador Vitor Samúdio “vai ser emocionante ver todo mundo na rua a Pandemia nos manteve longe do carnaval e agora, com todo mundo seguro de novo vamos festejar muito e nos entregar nesse carnaval”.

O carnaval de rua também vai acontecer nos bairros, o bloco Subaqueira da Bahia vai sair na praça Cuiabá, no dia 20. E para fechar o carnaval na Esplanada, o Bloco Farofa Com Dendê faz seu cortejo e concentração na frente do Monumento do trem Maria Fumaça, pra finalizar o carnaval de rua de campo Grande com muito axé.

Para o secretário da Setescc (Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania), Marcelo Miranda, o apoio do Governo do Estado aos blocos de rua é fundamental para a realização de um carnaval pleno, “A folia carnavalesca de rua é um dos aspectos mais importantes e autênticos do Carnaval popular. É nesses eventos que as pessoas tem a oportunidade de verdadeiramente brincar o Carnaval e que muitos aproveitam para gerar renda”, afirma o secretário.

 O presidente da Fundação de Cultura, Max Freitas frisa a importância da tradição do carnaval de rua em Campo Grande. “É muito importante para nós correalizarmos o carnaval de rua da Capital, entendemos que é uma multidão de pessoas que festejam e isso gera empregos, renda e já traz turistas pra cidade pra curtir esse momento, o governo não pode ficar fora desse movimento e a Fundação de Cultura quer cada vez mais fomentar, além do desfile das escolas de samba, os Blocos Independentes que já são tradicionais em nossa cidade e estado”.

O carnaval da Capital tem previsão de levar para as ruas e desfiles, mais de 200 mil pessoas nos dias de folia. A prefeitura de Campo Grande apoia o evento.

Ana Ostapenko, Fundação de Cultura
Fotos: Daniel Reino/FCMS 

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp