Campo Grande, 24 de fevereiro de 2024

Duplicação da Avenida Cafezais já tem metade dos trabalhos concluídos na Capital

Obra que vai mudar a realidade de seis bairros da Capital, a duplicação da Avenida dos Cafezais  já tem quase metade dos trabalhos concluídos. Ela está sendo feita pelo Governo do Estado. Foram pavimentados 420 metros da nova via que dará a acesso à Avenida Guri Marques. Também seguem no local as atividades de drenagem, implantação de ciclovia e preparação da base para continuar o asfalto.

A duplicação da Cafezais é um grande pedido dos moradores da região, que sofrem nos horários de pico para sair dos bairros, em direção ao centro da cidade. Na saída a via é curta e provoca engarrafamento, tornando o trânsito lento. A obra vai solucionar este problema, dando fim a este transtorno.

A Prefeitura de Campo Grande apresentou o projeto executivo e o Governo do Estado assumiu o comando da obra, com licitação e realização dos trabalhos. Para tornar este sonho realidade, conseguiu a desapropriação de áreas e tirou o projeto do papel.

“Essa obra de infraestrutura urbana vai resultar no melhor acesso da Avenida dos Cafezais, dando mais agilidade para que as pessoas possam chegar e sair de casa com segurança”, destacou o secretário de Infraestrutura e Logística, Hélio Peluffo.

O governador Eduardo Riedel afirmou que vai promover obras de infraestrutura urbana nas 79 cidades, para melhorar a vida da população. “Faremos uma gestão que privilegia a ação nos municípios, inclusive na Capital. Temos este compromisso e vamos cumprir. Estas obras e investimentos ajudam no desenvolvimento das cidades, com o olhar atento ao cidadão”.

Fim do transtorno

Moradores e comerciantes da região já comemoram a duplicação da Cafezais, para se livrarem do congestionamento quando querem sair ou entrar no bairro. Eles ainda elogiaram a rapidez da obra que começou em janeiro e já está bem adiantada, apesar do período de chuva dos últimos meses.

“Vai melhorar muito para gente, quem passa por aqui nas 7h e 11 da manhã ou às 17h sofre para sair do bairro, demora muito para passar para o outro lado, é muito transtorno. Tem uma galera que mora em um condomínio que fica no meio da pista e demora muito para chegar por causa do trânsito”, contou Carlos Pereira, que trabalha no comércio da Cafezais há sete anos.

Dona de uma borracharia na entrada da Cafezais, Gislânia de Freitas disse que muitas vezes a fila de carros chegava a ficar na frente do seu estabelecimento. “Tem horas que é muito difícil passar por este trecho, a fila vai longe e todos ficam impacientes. A duplicação vai melhorar para todo mundo, não apenas aos moradores, mas aos comerciantes, com um trânsito tranquilo. Acredito que até o movimento será melhor”.

Miguel Arcanjo, que vende cadeira na entrada da Avenida, elogiou a rapidez da obra que ele acompanha todos os dias. “Está muito rápido o trabalho, o asfalto está bem adiantado, para quem trabalha aqui perto será muito melhor. Venho por este trecho todos os dias porque moro lá nas Moreninhas”.

Morador há 19 anos da região, Sebastião Alves de Lima destaca que esta duplicação era um pedido antigo que agora está se tornando realidade. “Sempre acessei esta entrada para chegar e sair do bairro e já sofri com congestionamento, a fila passa a rotatória muitas vezes. Esta obra vai ficar maravilhosa para todos nós”.

Outras frentes

Além da duplicação, o Governo do Estado realizou outras frentes de trabalho na Avenida dos Cafezais, que ao todo somam um investimento de R$ 9,5 milhões. Já foi concluído o recapeamento da Avenida da rua do Patrocínio até a rua Delegado Alfredo Hardman, faltando apenas uma intervenção na rua Catiguá.

Também foi concluída uma alça de acesso a Cafezais na esquina da rua Patrocínio. Assim que for feita a duplicação, será realizada a recuperação do pavimento da parte antiga, por onde passam os carros atualmente.

Outros pontos estão recebendo drenagem, para depois contar com a reconstrução do asfalto, como por exemplo, no trecho da Paulo Frontim até a rua Castorina Rodrigues da Luz. Este é mais um empreendimento do Governo do Estado para melhorar a vida da população de Campo Grande.

As obras vão beneficiar os moradores dos bairros Canguru, Centro-Oeste, Macaúbas, Marajoara, Mário Covas e Paulo Coelho Machado. A Avenida Cafezais é a principal via que liga estes bairros, sendo importante polo comercial, com lojas, supermercados, restaurantes, bares e escritórios.

Leonardo Rocha, Comunicação do Governo de MS
Fotos: Álvaro Rezende

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp