Campo Grande, 13 de junho de 2024

Governo de MS assina termo de fomento com Operário para a Série D do Campeonato Brasileiro de Futebol

O Governo de Mato Grosso do Sul formalizou, nesta sexta-feira (5), o repasse de R$ 850 mil ao Operário Futebol Clube para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro de Futebol. O recurso é proveniente do Fundo de Investimentos Esportivos (FIE-MS) da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte).

Assinaram o termo de fomento o secretário de Estado de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania, Marcelo Ferreira Miranda; o diretor-presidente da Fundesporte, Herculano Borges, e o presidente do Operário, Nelson Antonio da Silva. A solenidade de assinatura aconteceu na sede da Setescc, na capital.

“O Governo do Estado anualmente vem apoiando as equipes para a disputa do campeonato estadual e dá esse reforço ao clube que nos representa na Série D do Brasileirão. Dentro da realidade financeira dos clubes do Estado, é uma ajuda importante que oferece condições de arcar com plantel de jogadores e funcionários, além da aquisição de materiais esportivos”, destaca o secretário Marcelo Miranda.

O Galo já estreia neste sábado (6), às 16 horas (horário de MS), contra a Ferroviária (SP). A partida acontecerá na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara (SP).

“Todo amante de futebol e de esporte de modo geral tem o desejo de ver um time daqui disputando uma competição nacional e que seja de forma constante. Desejamos um bom campeonato ao Operário e que nos bem represente na Série D”, afirma o diretor-presidente da Fundesporte, Herculano Borges.

Além das duas equipes, o grupo A7 é composto por Patrocinense (MG), CRAC (GO), Cascavel (PR), Inter de Limeira (SP), Maringá (PR) e XV de Piracicaba (SP).

O primeiro compromisso operariano diante de seu torcedor será no dia 14 de maio, quando enfrenta o XV de Piracicaba, no Estádio Jacques da Luz, em Campo Grande, às 16 horas. A terceira rodada também será em casa, diante do Patrocinense, no dia 21, também às 16 horas.

De acordo com regulamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na primeira fase os 64 clubes estão divididos em oito chaves, em formato regionalizado para facilitar a logística de transporte, por exemplo.

As equipes jogarão em turno e returno (ida e volta), totalizando 14 rodadas. Os quatro melhores colocados de cada chave asseguram classificação à segunda fase, que já passa a ser eliminatória (“mata-mata”). As próximas fases são oitavas de final, quartas de final, semifinal e final.

Lucas Castro, Comunicação Fundesporte
Fotos: Lucas Castro

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp