Campo Grande, 18 de junho de 2024

Fundação de Turismo de MS debate ações climáticas durante seminário nacional em Bonito

Com o tema ‘Desafios globais e oportunidades locais para a inovação’ será realizado no Sebrae, em Bonito, nesta quinta-feira (27), das 16h às 18h. o seminário de Ação Climática no Turismo, que reúne algumas das referências mais importantes do Brasil no setor para debater estratégias e ações.

Além dos debates, serão apresentados trabalhos realizados no âmbito dos objetivos da Declaração de Glasgow, realizada no Reino Unido em 2021 durante a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP26), a visão estratégica do Governo Federal e estadual de Mato Grosso do Sul, assim como experiências em três níveis de impacto: Destinos, Atrativos e Empresas.

“Esse seminário vai reunir atores importantes que vêm trabalhando a temática no Mato Grosso do Sul e também em nível nacional. O Estado já vem realizando um trabalho desde de 2022 focando, de fato, na melhoria das questões relacionadas à sustentabilidade e ao clima. Certificamos Bonito como o primeiro destino de ecoturismo carbono neutro do mundo, vamos dar manutenção a essa certificação e agora vamos levar um debate mais ampliado aos setores público e privado sobre as questões relacionadas às mudanças climáticas. Vamos falar sobre o que a Fundtur/MS tem de estratégia para os próximos anos tanto em relação ao município quanto em relação ao Estado. Vamos ouvir também da Green Initiative (empresa que certificou Bonito), da Embratur e de outros parceiros, quais ações estratégicas eles vão apresentar e nos ajudar a implementar para que MS seja cumpridor do seu acordo de Glasgow e cumpridor da meta de ser um Estado carbono neutro até 2030”, ressalta Bruno Wendling, diretor-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur/MS).

Confira quem participa e quais os temas dos debates:

  • Virgínia Fernandez-Trapa – Oficial de Programa da Organização Mundial do Turismo – A Declaração de Glasgow: um marco estratégico para catalisar a ação climática no Turismo no Brasil
  • Bruno Wendling – diretor-presidente da Fundtur/MS – A Visão FUNDTUR de Ação Climática no Turismo em MS;
  • Edson Barros – Coordenadora de Sustentabilidade e Ações Climáticas no Turismo (MTur) – Ação Climática: O turismo como atividade econômica de baixo carbono e sua contribuição para os ODS;
  • Saulo Rodrigues Filho – Gerente de Sustentabilidade e Ações Climáticas da Embratur – Novos estândares climáticos para a oferta de turismo;
  • Juliane Salvadori – Secretária Municipal de Turismo, Indústria e Comércio de Bonito
  • Marina Alves – Diretora Regional do SENAC/BA – Guia de Ação Climática para Destinos e Empresas de Turismo: documento preparado no âmbito da Declaração de Glasgow;
  • Monique Badaró – Coordenadora de Inovação do SENAC/BA – Como os Restaurantes Podem Ajudar a Combater as Mudanças Climáticas;
  • Luciana Visnevski – Diretora da Green Initiative – Certificação do Atrativo Turístico Estância Mimosa;
  • Eduardo Coelho – Presidente do Grupo Rio da Prata – Perspectivas de um Turismo Climaticamente Inteligente;
  • Josmail Rodrigues – Prefeito do Município de Bonito – Palavras de Encerramento.

Débora Bordin, FundturMS

Foto: Visitms

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp