Campo Grande, 22 de junho de 2024

PSG terá que pagar R$ 210 milhões para Mbappé caso jogador não saia do clube hoje

A novela entre Mbappé e PSG está longe de acabar e parece que vai ganhar mais um capítulo nesta segunda-feira. Isso porque, segundo a imprensa internacional, hoje precisa ser o dia D para renovação de contrato do jogador francês.

Se Mbappé não deixar o Paris Saint-Germain no dia 31 de julho, ou seja, nesta segunda-feira, o clube parisiense terá de pagar ao jogador 50% do bônus de fidelidade acordado entre eles na assinatura do contrato. Portanto, o craque da seleção francesa receberá 40 milhões de euros (cerca de R$ 209 milhões, na cotação atual).

O PSG está realizando várias estratégias para evitar ter que pagar este valor a Kylian Mbappé. No entanto, não levar o jogador à turnê pelo Japão, separá-lo do grupo e ameaçar deixá-lo por uma temporada nas arquibancadas não está funcionando como o presidente Al Khelaïfi havia planejado.

Dentro do clube acreditam que o atacante não quer continuar e que esse seja o motivo para não lhe pagarem os 40 milhões, mas os advogados do PSG precisam analisar o contrato novamente para encontrar essa brecha.

O clube francês corre contra o tempo para resolver a questão do jogador, já que o Campeonato Francês começa no próximo dia 12 e o PSG não quer iniciar a competição com esse imbróglio. Desta forma, segundo o jornal inglês Daily Mirror, o Liverpool pode ser uma solução temporária, uma vez que pretende fazer uma oferta de empréstimo por Mbappé.

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp