Campo Grande, 18 de junho de 2024

Ronaldo vive pressão no Valladolid com fúria da torcida: “Vá embora”

Por Redação do ge — Valladolid, Espanha

Ronaldo Fenômeno enfrenta a falta de popularidade no início de temporada do Valladolid. A dias da estreia na Segunda Divisão e em meio à janela, o brasileiro demitiu o diretor Fran Sánchez. A saída do dirigente aumentou a ira da torcida após, que fez protestos de diferentes maneiras e, em amistoso com o Rayo Vallecano, gritou:

“Vá embora já! Ronaldo, vá embora já! Diretoria, peça demissão”, gritou a torcida do Valladolid.

 

Fran Sánchez foi demitido na última segunda-feira. Ele era elogiado pela torcida e pela imprensa local pelo trabalho feito com pouco orçamento no clube, com compras baratas e vendas que geraram receitas ao Valladolid. O contrato dele com a equipe era até junho de 2024.

Torcida do Valladolid protesta contra Ronaldo: "Vá embora já!" — Foto: Reprodução/@valladolid1984

Torcida do Valladolid protesta contra Ronaldo: “Vá embora já!” — Foto: Reprodução/@valladolid1984

O ex-técnico do Cruzeiro e atual comandante do time espanhol, Paulo Pezzolano, também se surpreendeu com a demissão de Sánchez.

– A saída de Fran junto com toda a sua equipe de trabalho foi um momento difícil, porque Fran foi a pessoa que me trouxe aqui. Ninguém gosta que um colega de trabalho perca o cargo – declarou o treinador, em entrevista coletiva.

David Espinar, porta-voz do Valladolid, disse que a decisão de demitir Fran Sánchez veio porque o clube “precisava de uma orientação diferente”. Mas a saída do dirigente se somou a outros vários fatores e aumentou a irritação de parte da torcida com a gestão de Ronaldo.

O rebaixamento e a mudança do escudo geram irritação entre os fãs do clube. Antes dos gritos na partida contra o Rayo Vallecano, uma torcida organizada estendeu faixas nos arredores do estádio Zorrilla com as seguintes frases:

O ídolo brasileiro, dono de 90% do futebol do futebol do Cruzeiro, é sócio majoritário e presidente do Valladolid desde 2018. Com Ronaldo no comando, o time espanhol foi rebaixado na temporada 2020/21, voltou à elite no ano seguinte, mas não escapou de novo descenso em 2023.

Ronaldo Fenômeno, durante entrevista coletiva do Real Valladolid após o rebaixamento — Foto: EFE

Ronaldo Fenômeno, durante entrevista coletiva do Real Valladolid após o rebaixamento — Foto: EFE

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp