Campo Grande, 26 de maio de 2024

Fundect apoia mobilidade internacional de pesquisadores para a Europa

A Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul), órgão do Governo do Estado responsável por gerenciar os investimentos em inovação e pesquisas científicas, lançou nesta semana um edital focado na mobilidade internacional de pesquisadores sul-mato-grossenses.

Com um investimento de R$ 90 mil, a Chamada Fundect nº 21/2023 – ERC 2023 tem como objetivo apoiar o intercâmbio de cientistas para integrarem equipes de pesquisas na Europa com projetos financiados pelo ERC (sigla para Conselho Europeu de Pesquisa).

A divulgação do edital acontece por meio da parceria entre Fundect e Confap (Conselho Nacional das Fundações de Amparo a Pesquisas), CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e CE (Comissão Europeia).

Serão aprovados até três projetos que abordem um, ou mais, dos 26 painéis de avaliação dentro das áreas de Ciências Biológicas e Exatas, detalhados na Chamada. As propostas precisam ser aprovadas na primeira fase, que consiste na chamada internacional. Caso sejam aprovadas e cumpram todos os critérios de elegibilidades, poderão pleitear apoio da Fundect.

Poderão participar pesquisadores que possuam título de Doutorado e façam parte de ICTs (Instituições de Ciência e Tecnologia) e IES (Instituições de Ensino Superior) do Estado. O prazo para envio dos projetos vai até 7 de dezembro de 2023 e pode ser conferido no site do Confap.

Confira mais informações sobre o edital no link abaixo:

Chamada Fundect nº 21/2023 – ERC 2023

Larissa Adami, Fundect

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp