Campo Grande, 24 de abril de 2024

MS ganha 177 medalhas e três troféus no Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu Desportivo

Mato Grosso do Sul voltou do Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu Desportivo 2023 com a bagagem cheia. A competição foi realizada no Parque Olímpico da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ), no último fim de semana. Coordenada pela FSMJJ (Federação Sul-Mato-Grossense de Jiu-Jitsu), a delegação estadual faturou 177 medalhas, sendo 76 de ouro, 54 de prata e 47 de bronze.

WhatsApp Image 2023 10 02 at 14.36.05 MS ganha 177 medalhas e três troféus no Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu DesportivoO desempenho na Cidade Maravilhosa a equipe sul-mato-grossense garantiu o troféu geral das classes adulto, juvenil e máster, além do título no estilo no-gi (lutas sem quimono).

Para completar a estante de troféus, o estado ainda assegurou o vice-campeonato nas categorias mirim ao infanto, envolvendo jovens de seis a 15 anos. Ao todo, 150 atletas representaram Mato Grosso do Sul no Mundial, com apoio do Governo do Estado, por meio da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer) e Setescc (Secretaria de Estado de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania).

Representaram as cores do estado 110 atletas nas classes juvenil, adulto e máster, e 40 nas categorias Mirim ao infanto, nas faixas azul, roxa, marrom e preta.

Na terceira edição do Desafio Superlutas, a seleção de Mato Grosso do Sul enfrentou a do Rio Janeiro e por pouco não conquistou mais um troféu. O placar foi de 3 a 2 para a equipe da casa. Mesmo assim, o presidente da FSMJJ, Fábio Rocha, saiu satisfeito com o resultado. “Foram lutas muito duras e fomos vencidos no desempate. Mas nas categorias demos um show. Foi melhor do que esperávamos”.

Lucas Castro, Fundesporte, e João Pedro Flores, do Programa de Estágio Supervisionado

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp