Campo Grande, 13 de junho de 2024

Equipe do Governo de MS inicia viagem de 2,5 mil km em expedição que vai percorrer a Rota Bioceânica

Equipe do Governo do Estado, representada pela Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), deu início na manhã desta sexta-feira (24) à viagem de 2,5 mil quilômetros pelo percurso rodoviário da Rota Bioceânica. A III Expedição da RILA (Rota de Integração Latino-Americana) tem cronograma de retorno em 5 de dezembro, com agendas em municípios sul-mato-grossenses e nas demais cidades do Paraguai, Argentina e Chile que estão no trajeto do corredor rodoviário bioceânico.

O secretário Jaime Verruck, da Semadesc, representa o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul na Expedição e viaja acompanhado pelos assessores Lúcio Lageman, Silvia Gonda, Mairinco de Pauda e Vagner Mota. Eles deixaram Campo Grande na manhã desta sexta-feira com destino a Porto Murtinho, a primeira parada oficial do comboio até os portos do norte do Chile.

A Expedição é organizada pelo SetLog (Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística de MS), com o apoio do Governo do Estado, por meio da Semadesc. Ao todo, 110 pessoas participam da Expedição, dentre autoridades, empresários e imprensa, distribuídos em 38 caminhonetes.

O titular da Semadesc ressalta que a Rota Bioceânica é uma das três prioridades apontadas pelo Governo do Estado nas obras do Novo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), do Governo Federal com previsão de melhorias e adequação da BR-267, entre Alto Caracol e Porto Murtinho.

“Na questão da infraestrutura, o Brasil e o Paraguai já fizeram cada um a sua parte. Estamos com a obra da ponte em andamento, seguindo o cronograma, com a obra do acesso no lado brasileiro, já viabilizada e todo o trecho rodoviário no Paraguai, praticamente pronto”, comenta.

“Agora, com a Expedição, nós vamos observar como está a percepção das pessoas ao longo do trajeto da Rota Bioceânica. Como é que os municípios, como é que os prefeitos estão percebendo as oportunidades com essa Rota, que praticamente daqui a dois anos vai estar em operação, assim como como as dificuldades. Temos uma série de desafios, vamos olhar a questão de alfândega, a questão de migração, a questão de obras ainda necessárias, como acabamos de mostrar aqui na Argentina, onde nós temos pontes ainda só de passar um veículo, quer dizer, a rota não tem como exportar a partir daí”, afirmou Jaime Verrucvk.

Neste sábado (25), a Expedição se concentra na construção da ponte sobre o Rio Paraguai, entre Carmelo Peralta e Porto Murtinho, uma infraestrutura essencial para abrir novos caminhos comerciais, especialmente para exportações asiáticas.

A obra iniciada em dezembro de 2021 tem previsão de conclusão para 2025. “A ponte é um marco fundamental para a Rota Bioceânica e é importante lembrar que essa Rota teve como precursor, há 50 anos, o ex-prefeito de Porto Murtinho Heitor Miranda dos Santos”, finalizou o titular da Semadesc.

Expedição acompanha primeira carga oficial da Rota

Na quarta-feira (22), foi realizado o primeiro embarque oficial de mercadorias produzidas em Mato Grosso do Sul, com destino aos portos do Chile por meio da Rota Bioceânica. A ação inédita, inaugura o transporte pelo Corredor Rodoviário Bioceânico e foi realizada pelo frigorífico da Friboi, empresa da JBS, na Capital.

O grupo está enviando 12 toneladas de carne congelada e desossada bovina em um caminhão refrigerado. O encontro dos participantes da III Expedição da RILA com essa carga deve ocorrer em 28 de novembro. No trajeto da Expedição, serão verificadas as condições para a imediata utilização da rodovia e os avanços na área de Aduanas e Autoridades Intervenientes de comércio exterior.

Veja a galeria com a passagem da III Expedição da RILA pelos municípios sul-mato-grossenses de Sidrolândia e Porto Murtinho.

Confira a Programação da III Expedição da RILA

Dia 24/11 (sexta-feira)
– Saída de Campo Grande às 10h
– Chegada em Porto Murtinho às 15h
Agenda com autoridades locais Porto Murtinho e Carmelo Peralta. Início da travessia dos veículos no Rio Paraguai.

Dia 25/11 (sábado)
– Travessia Rio Paraguai – Fazer Imigração Carmelo Peralta
– Visita ao canteiro de obras da ponte sobre o Rio Paraguai
– Início de percurso no Paraguai


– Almoço em Loma Plata
Agenda oficial da missão com as autoridades locais.

Dia 26/11 (domingo)
– Continuidade da viagem até Mariscal Estigaribia
– Segue viagem pela picada 500, rumo a Poso Hondo;
– Entrada e processo de Imigração e Aduana na Argentina
Almoço em Tartagal. Segue viagem para San Salvador de Jujuy. Pernoite em San Salvador de Jujuy.

Dia 27/11 (segunda-feira)
– Segue viagem rumo a fronteira com o Chile (passo de Jama)
– Aduana e Imigração (Argentina e Chile)


– Segue viagem até San Pedro de Atacama – Almoço
Tarde livre. Pernoite em San Pedro de Atacama.

Dia 28/11/2023 (terça-feira)
– Segue viagem para Iquique
– Almoço em Iquique
Agenda com autoridades locais. Encontro com a carga transportada. Embarque da carga de retorno. Pernoite em Iquique.

Dia 29/11 (quarta-feira)
– Almoço em Iquique
– Agenda Oficial em Iquique (Participação no evento 4º FORO DE LOS TERRITORIOS SUBNACIONALES DEL CORREDOR BIOCEÁNICO CAPRICORNIO, com empresários chilenos, paraguaios, argentinos bolivianos e mais de 600 chineses com tradição em comércio internacional)
– Pernoite em Iquique

Dia 30/11/2023 (quinta-feira)
– Segue viagem para Salta
– Almoço San Salvador de Jujuy
– Jantar em Salta. Pernoite em Salta.

Dia 01/12 (sexta-feira)
– Agenda com autoridades Salta
– Rodada de Negócios
– Segue viagem San Salvador de Jujuy
– Agenda Oficial Jujuy
Pernoite.

Dia 02/12 (sábado)
– Segue viagem para Asunción
Jantar pernoite em Asunción

Dia 03/12 (domingo)
– Em Asunción. Agenda com autoridades.

Dia 04/12 (segunda-feira)
– Agenda Asunción, com autoridades
– Almoço Asunción. Saída para Ponta Porã.
– Jantar e pernoite em Ponta Porã

Dia 05/12 (terça-feira)
– Retorno e chegada em Campo Grande.

Marcelo Armôa, Comunicação Semadesc
Fotos: Mairinco de Pauda

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp