Campo Grande, 18 de junho de 2024

Saúde debate os avanços e desafios da covid-19 em Mato Grosso do Sul

Com o propósito de promover a integração e intercâmbio de conhecimentos entre os profissionais da saúde de Mato Grosso do Sul, a SES (Secretaria de Estado de Saúde) realiza nesta quarta-feira (7) o evento ‘Avanços e Desafios da Covid-19 em 2024’, no auditório do Bioparque Pantanal, em Campo Grande.

No decorrer da programação, os palestrantes discorrerão acerca do tema com o objetivo de atualizar conceitos, estratégias, fluxos e auxiliar no fortalecimento de vigilância da Covid-19 no estado.

O secretário de Estado de Saúde, Dr. Maurício Simões, assegurou que o estado passa por um momento mais calmo em relação à Covid-19, mas que é importante que os profissionais se mantenham atentos.

“Nós vencemos a batalha contra a Covid-19 e nada melhor que neste momento, com mais tranquilidade, depois de todos os desafios, de toda a correria que nos foi imposta com a Pandemia da Covid-19. Que possamos de maneira mais equilibrada rever práticas e estratégias para não só impedir que a Covid-19 volte a aparecer, que eventualmente vai ocorrer, mas sem trazer os impactos que nós já vimos que é possível trazer. E, fundamentalmente, alertar a todos da importância que nós temos nesse momento de manter os reforços vacinais da Covid-19”, destacou Simões.

Para o técnico da Coordenação-Geral de Vigilância das Doenças Imunopreveníveis do Ministério da Saúde, Marcelo Wada, a Covid-19 continua sendo um desafio no país.

“A Covid-19 ainda é um grande desafio apesar de já termos declarado o fim da emergência, mas ela continua ainda como um grande desafio para o Sistema Único de Saúde. Ainda temos um número de casos importante no Brasil. Apesar da redução dos casos, a redução dos óbitos ainda é um grande desafio e a vacina é um meio importante de prevenção, são vacinas seguras e que passam por um controle de qualidade. O Ministério da Saúde está à disposição, é um prazer participarmos desse evento”.

Já a presidente do Cosems/MS (Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso do Sul), Josiane Oliveira Corrêa, lembrou o quão importante foi o papel do trabalhador da saúde durante a Pandemia da Covid-19.

“Estarmos aqui hoje para falarmos sobre os avanços e os desafios da Covid-19 faz com que nós tenhamos um flash. A Pandemia da Covid-19 foi um momento de muito desespero, de muita ansiedade e poder estar aqui hoje, todos nós de fato, é uma dádiva. Desejo a todos um excelente evento, a programação é bastante rica, onde iniciamos falando de como está a situação da Covid-19 no país, as novas estratégias de vacinação, então, aproveitem”, desejou Josiane.

A primeira palestrante do evento, a consultora Opas Dra. Mariana Croda, apresentou o tema “Preparação para Emergências por Vírus Respiratórios” e afirmou que o momento é ideal para os profissionais se atualizarem. “É um momento sublime de pensarmos em como não repetir tudo aquilo que vivemos”, enfatizou.

Conforme a gerente de Influenza e Doenças Respiratórias da SES, Lívia Maziero, no momento, Mato Grosso do Sul está em uma crescente de casos confirmados da Covid-19.

“É uma crescente discreta ainda, nada comparado ao que já passamos, mas há um aumento nas últimas três semanas epidemiológicas. Esse aumento é de casos leves, casos que foram positivos para a Covid, mas que não houve internação, não houve sinais de agravamento”.

Compuseram a mesa de abertura o secretário de Estado de Saúde, Dr. Maurício Simões, a secretária-adjunta de Estado de Saúde, Dra. Crhistinne Maymone, o técnico da Coordenação-Geral de Vigilância das Doenças Imunopreveníveis do Ministério da Saúde, Marcelo Wada, a presidente do Cosems/MS, Josiane Oliveira Corrêa, a superintendente de Vigilância em Saúde da SES, Larissa Castilho e a coordenadora de Emergência em Saúde Pública da SES, Karine Barbosa.

A programação segue até às 17h20, no auditório do Bioparque Pantanal, em Campo Grande.

Kamilla Ratier, Comunicação SES
Fotos: Bruno Rezende

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp