Campo Grande, 22 de setembro de 2021

Viúva de Kobe Bryant diz estar chocada com compartilhamento de fotos de acidente e pede punição a policiais

A viúva do ex-jogador de basquete Kobe Bryant (1978-2020), Vanessa Bryant, utilizou a conta dela no Instagram para tornar público sua revolta com o compartilhamento de fotos feitas logo após o acidente de helicóptero que resultou na morte de seu marido e da filha de 13 anos dos dois, Gianna.

Na semana passada foi noticiado que há uma investigação em curso dentro de Departamento de Polícia de Los Angeles para saber a procedência dos registros. Há suspeitas que as imagens tenham sido feitas e compartilhadas pelos primeiros policiais que chegaram no local da queda da aeronave.

Vanessa Bryant compartilhou um comunicado assinado por seu advogado, Gary C. Robb. O texto afirma: “Nossa cliente, Vanessa Bryant, está absolutamente arrasada com as alegações de que oficiais do Departamento de Xerife do Condado de Los Angeles e do Departamento de Bombeiros de Los Angeles divulgaram publicamente fotos do local do acidente de helicóptero”.

“A Sra. Bryant foi pessoalmente ao escritório do xerife em 26 de janeiro e solicitou que a área fosse designada como zona de exclusão aérea e protegida de fotógrafos. Isso foi de fundamental importância para ela, pois ela desejava proteger a dignidade de todas as vítimas e de suas famílias. Naquele momento, o xerife Alex Villanueva garantiu que todas as medidas seriam tomadas para proteger a privacidade das famílias, e entendemos que ele trabalhou duro para honrar esses pedidos”.

O texto continua: “Os socorristas devem ser confiáveis. É indesculpável e deplorável que alguns deputados da subestação do xerife de Lost Hills, outras subestações vizinhas e o LACOFD supostamente violem seu dever. Trata-se de uma violação indescritível da decência humana, respeito e dos direitos à privacidade das vítimas e de suas famílias”.

“Exigimos que os responsáveis ​​por essas ações alegadas enfrentem a disciplina mais dura possível e que suas identidades sejam reveladas, para garantir que as fotos não sejam mais divulgadas. Estamos solicitando uma investigação dos Assuntos Internos desses supostos incidentes”.

A mensagem chega ao fim afirmando: “A Sra. Bryant agradece ao indivíduo que apresentou uma queixa on-line expondo esses atos de injustiça e pela escolha de proteger a dignidade humana. Pedimos que qualquer pessoa que tenha informações sobre os fatos subjacentes a esses supostos incidentes vergonhosos e vergonhosos entre em contato”.

Monet

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez + um =