Campo Grande, 26 de setembro de 2021

Marcelo Moreno opina sobre Cruzeiro voltar à Série A do Brasileiro: “O time atual? Difícil!”

Em tempo de paralisação de campeonatos e férias coletivas, os jogadores têm compartilhado muito da rotina nas redes sociais, em treinos divulgados em transmissões. Não é diferente com atletas do Cruzeiro. Nesta sexta-feira, foi a vez do atacante Marcelo Moreno fazer uma transmissão e, em determinado momento da conversa, o jogador foi questionado por um torcedor se acreditava no acesso do Cruzeiro à Série A, e o atacante foi direto:

Moreno explicou o porquê da sua opinião sobre o atual elenco. Entretanto, afirmou que, com a chegada de reforços e o técnico Enderson Moreira, ele acredita no acesso à elite do futebol nacional.

– O Cruzeiro tá em momento de reconstrução agora, vai melhorar muito esse time, tenho certeza, vão chegar novos jogadores, já chegou um novo treinador, as coisas vão mudar e eu acredito sim que nosso time vai subir – disse Moreno em live com assessor do jogador, Vinícius Vieira, nas redes sociais.

– Eu acho que é necessário os jogadores experientes que estão no Cruzeiro (saberem) que a gente precisa de todos. Tem experiência com juventude agora, eu acredito muito nisso: experiência com juventude. Sempre quando tenha mais experiência do que juventude dentro do elenco. Aos poucos os jogadores que são juniores, que não têm tanto experiência, vão ganhando aos poucos (experiência), entrando, se soltando aos poucos. Foi assim na época que eu estava no Cruzeiro também. Os jogadores que iam entrando, iam encaixando, iam virando ídolo também. Porque tinha um grupo sólido de jogadores experientes que dava oportunidade do menino entrar no time e jogar mais solto.

“Agora, no momento, quando você coloca todos os jogadores dos juniores para ser a base do Cruzeiro, fica bem difícil mesmo da gente jogar como o torcedor está acostumado. Então, a responsabilidade não tem que ser dos meninos, é da gente mesmo”. (Marcelo Moreno)

Marcelo Moreno participou de live nesta sexta-feira — Foto: Guilherme Macedo

Marcelo Moreno participou de live nesta sexta-feira — Foto: Guilherme Macedo

Gestão passada

O atacante também não se esquivou de responder sobre o atual momento político e financeiro do clube. Questionado sobre aceitar voltar para o time mineiro no pior cenário da história do clube, Moreno foi enfático em dizer que a gestão do ano passado faliu o Cruzeiro.

– Não é fácil ao mesmo tempo vivenciar muitas coisas que estão acontecendo aqui. No ano passado, deixaram muitos problemas, faliram o Cruzeiro, praticamente. E, esse ano, o clube está tentando de qualquer jeito se reerguer, e eu vim neste momento de poder ajudar o Cruzeiro nessa situação. Eu vejo que muitos jogadores assim, olham o momento do Cruzeiro, e falam assim: não é o momento de voltar. Eu optei por dar a cara à tapa mesmo, colocar meu trabalho à disposição. Eu sei que vai dar tudo certo (…) Não vai ser fácil, mas aos poucos vamos melhorando, porque o Cruzeiro é um time vitorioso.

Voltar ao Cruzeiro
– É difícil tomar uma decisão dessa. Tava tranquilo lá na China, estava com dois anos de contrato. Tive propostas de outros clubes de primeira divisão e não abri mão da China. Na hora que apareceu o Cruzeiro, as coisas mudaram. Para mim, o Cruzeiro sempre vai ser um time de série A, entendeu? O maior campeão da história de Copa do Brasil. Time que tem muita tradição, muitos títulos e eu sou torcedor também. Então, eu não pensei duas vezes. Quando eu negociei minha vinda para o Cruzeiro não demorou, comigo, um dia de negociação. O que travou mesmo foi minha rescisão de contrato com o outro time.

Aposentar no Cruzeiro?
– É meu sonho! É meu sonho! Por tudo que eu passei, pelo respeito que eu tenho e que o torcedor tem comigo. É o clube ideal para eu deixar de jogar futebol, pela festa que eu vou querer fazer com vocês e ter essa lembrança para sempre.

Por GloboEsporte.com — de Belo Horizonte

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 2 =