Campo Grande, 23 de maio de 2022

Isolamento social e incertezas: ansiedade afeta qualidade do sono do elenco do Flamengo

Em um cenário de incertezas no futebol mundial, o psicológico de uma atleta profissional pode se tornar um grande adversário. No Flamengo, a ansiedade causada pela quarentena de prevenção ao coronavírus tem seus efeitos medidos na qualidade – e quantidade – do sono dos jogadores.

Recentemente o elenco passou a utilizar o aplicativo de celular “CoachID”. Nele, os jogadores recebem planos de treino, registram suas impressões sobre as atividades e também sobre o humor e qualidade do sono. Neste período sem jogos, alguns relataram problemas para dormir.

O preparador físico Marcio Sampaio, que passa o período de quarentena em Portugal, assim como Jorge Jesus, recebeu as informações através do aplicativo e informou ao departamento médico do Flamengo.

– Os jogadores usam diariamente quando acordam e depois da sessão de treino. Para eles é uma novidade fazer esse trabalho em casa e depois quantificar no aplicativo. Para nós é ótimo porque conseguimos o feedback. Agora temos nos deparado com algumas coisas que já esperávamos. Temos casos de jogadores que estão dormindo pouco e mal, fruto dessa ansiedade. Isso leva a um nível de estresse alto. O departamento médico foi avisado e conseguimos interferir – disse Marcio Sampaio ao jornal português “Record”.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

2 × 2 =