Campo Grande, 13 de julho de 2024

Em noite de argentinos, Atlético-MG ignora melhor defesa, goleia e encerra jejum

No ritmo do tango argentino, deu Galo!

O Atlético-MG encerrou a sequência ruim de três tropeços e voltou a vencer no Brasileirão. E que vitória! Contra o Atlético-GO, até então dono da melhor defesa do campeonato (só três gols sofridos), o Galo atropelou no ritmo dos dois argentinos do elenco. Zaracho fez dois, Nacho Fernández outros dois e o Galo goleou por 4 a 1. Marlon Freitas fez o gol de honra do Dragão.

  • Tabela

    Com a goleada e o fim da sequência ruim, o Galo chegou a 13 pontos e ganhou cinco posições na tabela de classificação. Saiu de décimo para quinto, ultrapassando o próprio Atlético-GO, que agora é o nono. Veja a tabela completa.

  • Primeiro tempo

    Foram os melhores 45 minutos do Galo no Brasileirão. Os piores do Dragão. Resultado: uma vitória larga e muita merecida dos donos da casa. Já no começo do jogo, Marrony obrigou Fernando Miguel a fazer defesa milagrosa. Nos minutos seguintes, não teve muito o que o goleiro do time goiano pudesse fazer. Zaracho fez os dois primeiros da partida em duas finalizações perfeitas de fora da área. Logo depois, a triangulação perfeita entre Hulk e Savarino terminou na assistência do venezuelano para Nacho Fernández. O domínio do Galo era completo, mas já nos acréscimos, Marlon Freitas aproveitou uma sobra na área para descontar para o Atlético-GO. Placar do 1º tempo: 3 a 1.

    Atlético-MG x Atlético-GO

    Atlético-MG x Atlético-GO (Foto: Agência i7/ Mineirão)

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp