Campo Grande, 8 de dezembro de 2021

EUA confirmam autorização para mix de vacinas contra a Covid e dose de reforço para quem tomou Janssen

As autoridades de saúde dos Estados Unidos aprovaram nesta quinta-feira (21) mudanças no programa de vacinação contra a Covid-19 no país:

  • Passa a ser recomendada uma dose de reforço para a vacina da Janssen (Johnson & Johnson), originalmente de dose única, a todos os que receberam esse imunizante.
  • Alguns grupos prioritários que receberam a vacina da Moderna poderão receber reforço, assim como já era autorizado a pacientes dos mesmos grupos que tomaram o imunizante da Pfizer.

 

Além disso, será possível “misturar” as marcas — ou seja, quem tomou Pfizer poderá receber Moderna ou Janssen, por exemplo, na dose de reforço. No caso do reforço com a vacina da Moderna, será aplicada meia dose do imunizante.

Com isso, 52 milhões de pessoas poderão receber as doses extras a partir de sexta-feira.

 

Anunciadas nesta noite pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC, na sigla em inglês), as novas diretrizes vão em linha com as recomendações da FDA, agência reguladora americana de vigilância sanitária equivalente à Anvisa.

Vale lembrar que essas medidas valem para os EUA, por enquanto, e que o Brasil tem outras regras para a aplicação de doses de reforço.

Nesta semana, o governo dos EUA detalhou o plano para imunizar crianças de 5 a 11 anos, público que ainda não começou a ser vacinado.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × dois =