Campo Grande, 22 de fevereiro de 2024

Golpistas de MS viajaram em caravana para atos terroristas no DF

Por g1 MS

Vídeo 01

Motorista em Naviraí (MS), Andrea Barth registrou imagens ao vivo dos atos terrorista que depredaram os prédios da Praça dos Três Poderes em Brasília, neste domingo (8). Além de acompanhar a invasão, Andrea também registrou depoimentos dos sul-mato-grossenses que seguiam até o local. Veja o vídeo acima.

O vídeo começa com um homem, identificado apenas como Amauri que relata estar seguindo para Brasília em busca da liberdade. Ainda nos depoimentos, uma mulher, não identificada, afirma estar “fazendo inveja para aqueles que não tem coragem”.

Um outro homem, identificado como Cláudio, afirma “nós temos que buscar o que é nosso, a nossa liberdade”. Com 18 anos, um menino de blusa preta declara “sou jovem patriota, rumo a Brasília”.

Sul-mato-grossenses que participaram dos atos terroristas falam em liberdade rumo à Brasília — Foto: Redes sociais

Sul-mato-grossenses que participaram dos atos terroristas falam em liberdade rumo à Brasília — Foto: Redes sociais

No fim do vídeo, um homem de boné ameaça “estamos juntos, vamos lá arrebentar a cabeça de timbada. Vamos desgraçar com a vida dele”. Ao lado, outro sujeito de camisa azul avisa “você vai escapar de um raio, mas não escapa de mim hoje”.

O registro de imagens foi postado na conta de Andrea, no aplicativo Tiktok. Em seguida, ela gravou outros vídeos, convidando as pessoas a invadirem o local e também mostrando como foi o ato terrorista. Veja o vídeo abaixo.

Vídeo 02

No vídeo também aparece um empresário de Ponta Porã (MS), identificado como Paulinho. No local, ele mostra estar de máscara de proteção contra os gases e grava as pessoas correndo dentro e fora do plenário.

Assim como o empresário, Tadeu, um aposentado da Marinha que atua como prestador de serviços, também filmou a violência e disse “invadimos não, tomamos conta da casa do povo”. Em contradição, ele declara “vamos tirar o ladrão, esse pessoal que não foi votado honestamente. É na raça agora, agora é guerra!”.

Empresário e aposentado da Marinha também fazem parte do ato em Brasília — Foto: Redes sociais

Empresário e aposentado da Marinha também fazem parte do ato em Brasília — Foto: Redes sociais

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp