Campo Grande, 19 de julho de 2024

Capacitação da Sead orienta técnicos de municípios sobre regularização migratória

Com o objetivo de capacitar os técnicos dos municípios de Mato Grosso do Sul e OSC’s (Organizações da Sociedade Civil) sobre o preenchimento dos formulários de regularização migratória, disseminando informações e articulando as redes que realizam atendimento de migrantes, refugiados e apátridas, a Sead (Secretaria de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos) realiza na próxima terça-feira (6), o ‘Imigração Capacita’.

O evento, em parceria com a Delemig (Delegacia de Polícia de Imigração), ligada à Superintendência Regional da Polícia Federal em MS, acontece a partir das 8h, na Escolagov (Fundação Escola de Governo de MS). Ele será conduzido pelo CADH (Centro de Atendimento em Direitos Humanos), vinculado a Sead.

A necessidade da capacitação se deve à grande demanda e dúvidas referentes ao preenchimento do formulário de regularização migratória, tratando-se de um dos instrumentos principais do acesso aos direitos humanos desse segmento, enfatiza o CADH.

Técnicos da Capital e de municípios como Aquidauana, Bodoquena, Bandeirantes, Nova Andradina, Porto Murtinho, Itaquirai, Bonito e Ribas do Rio Pardo já confirmaram presença na capacitação.

Conforme dados da ACNUR (Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados), pelo menos 89,3 milhões de pessoas em todo o mundo foram forçadas a deixar suas casas. Entre elas estão quase 27,1 milhões de refugiados, cerca de metade dos quais têm menos de 18 anos. Há também milhões de apátridas, pessoas a quem foi negada a nacionalidade e que não têm acesso a direitos básicos como educação, saúde, emprego e liberdade de movimento.

Leomar Alves Rosa, Comunicação Sead
Foto: Divulgação

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp