Campo Grande, 23 de outubro de 2021

São Paulo vence, se afasta do Z-4 e acaba com série invicta do Atlético-GO

Vitória para acabar a ressaca

Com gols de Rigoni e Luciano, o São Paulo venceu o Atlético-GO na tarde deste domingo, no Morumbi, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado acaba com a ressaca do Tricolor pela eliminação na Copa do Brasil para o Fortaleza, na última quarta-feira, mas também põe fim a uma sequência invicta de sete jogos do Dragão na competição (a última derrota tinha sido para o Cuiabá, no dia 21 de julho). Era para ter sido um triunfo mais tranquilo dos donos da casa, que chegaram a dominar a partida e abrir 2 a 0. Mas um vacilo mudou o panorama do jogo e, após o gol de Matheus Barbosa, o time visitante fez enorme pressão até o minuto final.

Como fica?

Com a vitória, o São Paulo dei um salto na tabela e foi para a 12ª colocação, com 25 pontos, um a menos do que o Atlético-GO, o 11º. Veja a tabela completa.

Segundo tempo

No retorno para a etapa final, o Atlético-GO foi para cima em busca da reação e tentou com Janderson, em finalização forte. Mas encontrou um São Paulo ligado na defesa e rápido no contra-ataque. Depois de aos quatro minutos Fernando Miguel salvar chute forte de Galeano, aos 10 o goleiro do Dragão não conseguiu parar Luciano. O atacante iniciou a jogada, tocou para Galeano, que acionou Nestor para dar um lindo passe de letra para Luciano marcar o segundo do Tricolor. Quando o São Paulo aumentou a vantagem, Crespo imediatamente pediu concentração. Mas, aos 25 minutos, após cobrança de lateral, a zaga vacilou, e Matheus Barbosa apareceu sozinho para finalizar e diminuir para o Dragão. O gol fez o Atlético-GO crescer na partida. André Luís teve chance para empatar, assim como Dudu. A pressão seguiu até o fim, mas o Tricolor conseguiu se segurar.

São Paulo x Atlético-GO

São Paulo x Atlético-GO (Foto: Marcello Zambrana/AGIF)

Primeiro tempo

O susto levado logo aos dois minutos, quando o Atlético-GO chegou com perigo em boa jogada de André Luís após rebatida de Tiago Volpi, acordou o São Paulo. Tanto que o Tricolor dominou o jogo a partir daí. Em especial depois dos 10 minutos, quando Rigoni recebeu de Luan em profundidade e tentou encobrir Fernando Miguel. Depois disso, o São Paulo chegou com perigo em chutes de Gabriel Sara, Igor Vinicius, Rodrigo Nestor e até do zagueiro Arboleda, que apareceu duas vezes para finalizar. O gol, porém, saiu só aos 35 minutos. Rigoni iniciou a jogada, deixou a bola com Nestor e recebeu bela assistência de volta para marcar de cabeça: 1 a 0. Aos 44 minutos, após forte chute de Baralhas de fora da área, André Luís empatou no rebote de Tiago Volpi, mas o jogador do Dragão estava impedido. Gol corretamente anulado.

Gol do São Paulo x Atlético-GO

Gol do São Paulo x Atlético-GO (Foto: Marcello Zambrana/AGIF)

  • Segundo tempo

    No retorno para a etapa final, o Atlético-GO foi para cima em busca da reação e tentou com Janderson, em finalização forte. Mas encontrou um São Paulo ligado na defesa e rápido no contra-ataque. Depois de aos quatro minutos Fernando Miguel salvar chute forte de Galeano, aos 10 o goleiro do Dragão não conseguiu parar Luciano. O atacante iniciou a jogada, tocou para Galeano, que acionou Nestor para dar um lindo passe de letra para Luciano marcar o segundo do Tricolor. Quando o São Paulo aumentou a vantagem, Crespo imediatamente pediu concentração. Mas, aos 25 minutos, após cobrança de lateral, a zaga vacilou, e Matheus Barbosa apareceu sozinho para finalizar e diminuir para o Dragão. O gol fez o Atlético-GO crescer na partida. André Luís teve chance para empatar, assim como Dudu. A pressão seguiu até o fim, mas o Tricolor conseguiu se segurar.

    São Paulo x Atlético-GO

    São Paulo x Atlético-GO (Foto: Marcello Zambrana/AGIF)

  • Atuações do São Paulo

    Veja aqui as notas dos jogadores.

    São Paulo x Atlético-GO

    São Paulo x Atlético-GO (Foto: Marcello Zambrana/AGIF)

  • Atuações do Atlético-GO

    Veja aqui as notas dos jogadores.

    São Paulo x Atlético-GO

    São Paulo x Atlético-GO (Foto: Marcello Zambrana/AGIF)

    Olho roxo

    Igor Vinicius, do São Paulo, se deu mal em uma dividida com Willian Maranhão, do Atlético-GO, aos 29 minutos do primeiro tempo, e precisou ser substituído no intervalo por Galeano.]

    Premiere

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete + três =